Google+ Followers

LEIA O TEXTO EM OUTRAS LÍNGUAS / READ TEXT IN OTHER LANGUAGES

segunda-feira, 26 de novembro de 2012

MANAUS LANÇA PÔSTER OFICIAL DA COPA DO MUNDO DE FUTEBOL FIFA 2014





A imagem retrata os elementos da natureza amazônica em sintonia com os símbolos do futebol e tem como objetivo identificar a cidade-sede e promover o turismo local



MANAUS - Manaus apresentou neste domingo, 25, no jardim do Teatro Amazonas, o pôster oficial da Copa do Mundo da FIFA de 2014, que acontecerá no Brasil. Confeccionado pela agência de publicidade Mene e Money, sob a direção do publicitário Nilio Portela, a imagem retrata os elementos da natureza amazônica em sintonia com os símbolos do futebol, e tem como objetivo identificar a cidade-sede e promover o turismo local. A capital amazonense receberá quatro jogos do mundial e de acordo com a Amazonastur, são esperados no período de junho a julho, cerca de 120 mil turistas.
O coordenador da UGP Copa, Miguel Capobiango destacou os preparativos de Manaus para receber a Copa. "O lançamento do pôster representa mais uma etapa em nossa preparação para os jogos da Copa no Amazonas. Tenham que Manaus, a capital da Amazônia na Copa de 2014, fará uma das mais bonitas festas" afirmou. "Manaus é a única cidade que tem como maior símbolo um teatro. O Teatro Amazonas é o maior signo de nossa cultura, dos sonhos, dos ideais e do nosso desenvolvimento. A Copa é um grande evento e o pôster não poderia estar em outro lugar mais representativo", disse o secretário de Cultura, Robério Braga.
A cerimônia e lançamento contou com a participação dos itens dos Bumbás Caprichoso e Garantido, principais referências do folclore amazonense. Cunhãs Porangas, Porta-Estandartes e rainhas do folclore, além dos próprios bois azul e vermelho marcaram presença no evento.
Após o descerramento do pôster, a festa continuou dentro do Teatro com o concerto da Orquestra de Câmara do Amazonas e a apresentação de intérpretes da música amazonense como Márcia Siqueira, Fátima Silva, Israel Paulain e Edilson Santana, que cantaram músicaas da cultura local e canções-temas da Seleção Brasileira em Copas anteriores.
O pôster, que tem oito metros de altura, ficará exposto na fachada do Teatro Amazonas, tornando-se parte da paisagem que mais identifica a capital amazonense, que é o Largo de São Sebastião.


Fonte: www.acritica.com.br

Por Rubem Tadeu - Presidente da AFAMA
rtcastroalves@bol.com.br


domingo, 25 de novembro de 2012

ORQUESTRA DE CÂMARA DO AMAZONAS EMOCIONA COM SHOW NO TEATRO AMAZONAS



Orquestra composta com instrumento de cordas emociona plateia. Foto: Sarah Lyra


MANAUS - Uma manhã de domingo, 25, repleta de energia, beleza musical e aplausos. Esta é apenas uma breve descrição do que foi o show de comemoração dos 10 anos da Orquestra de Câmara do Amazonas. A apresentação teve início por volta das 11h30min da manha e contou com a presença de público seleto no Teatro Amazonas.
Nos últimos 10 anos, a Orquestra de Câmara do Amazonas teve como objetivo pesquisar e difundir a música de câmara, contribuindo para o desenvolvimento da cultura musical do Estado. Para Marcelo de Jesus, regente da orquestra, a maior conquista do projeto na última década foi manter sua identidade diferenciada de outras orquestras.
"A nossa maior motivação é desmistificar a idéia de que música clássica é chata. Nossa idéia é romper com este estereótipo e tornar a música que tocamos acessível. Só assim as pessoas vão se identificar com elas", comenta. Ao falar do convívio do grupo, o regente também ressalta que é importante para os músicos trabalhar de forma leve e descontraída. "O que nós fazemos aqui é um trabalho artesanal. Não toleramos estresse. Só queremos aqui quem realmente ama música". O grupo conta atualmente com quatro primeiros violinos, quatro segundos violinos, duas violas, dois violoncelos e um contrabaixo. Do total de treze músicos, dois são do Amazonas. O violinista Fernando Lima e o contrabaixista Roger Vargas. Para esta apresentação a orquestra convidou alguns músicos como um contrabaixista da Orquestra Sinfônica Brasileira.
O show comemorativo se iniciou com uma apresentação detalhada e calorosa dos músicos da orquestra. Em seguida, o repertório se iniciou com A Noite Transfigurada, de Arnold Schoenberg. Além desta, as outras músicas tocadas foram a Sinfonia de Schoenberg e As Quatro Estações Portenhas.
O público aplaudia todas as músicas de forma apaixonada. Já o regente Marcelo de Jesus mostrou carisma e preocupação ao interagir constantemente com o público. "Para mim, esta busca pela interação com o público torna a nossa música muito mais acessível. É emocionante vê-los retribuir com tanto carinho", disse Marcelo.


Fonte: www.portalamazonia.com

Por Rubem Tadeu - Presidente da AFAMA
rtcastroalves@bol.com.br


sexta-feira, 23 de novembro de 2012

A MELHOR ESCOLA DO AMAZONAS (PARTICULAR) TEVE APENAS A 108ª COLOCAÇÃO NO ENEM 2011




Por conta do horário de verão, os estudantes que irão fazer a prova do ENEM deverão estar na sala às 10h


Lista divulgada pelo Ministério da Educação mostra a colocação de cada colégio do Brasil que participou do Exame Nacional do Ensino Médio-Enem 2011. O colégio do Amazonas melhor posicionado ficou em 108º colocação.



MANAUS - O Ministério da Educação-MEC publicou ontem, quinta-feira, 22, a lista das escolas no país que obtiveram as melhores colocações no Exame Nacional do Ensino Médio-ENEM de 2011. A escola do Amazonas com melhor pontuação, segundo os dados do MEC, é o Centro Educional Lato Sensu, que ficou em 108º  lugar, com média geral de 652,2 pontos.
As escolas da capital estão entre as melhores colocadas de todo o Estado. O Colégio Pitágoras, Unidade Engenheiro José Galvão Fraga, do município de Presidente Figueiredo, a 117 km de Manaus, figura em 4.821º lugar, melhor colocação de uma escola em todo o interior do Amazonas com a média de 573,5 pontos.
O colégio do Amazonas com pior colocação no Enem é a Escola Estadual Maria Arruda, de Urucurituba, a 208 km de Manaus, que ficou em 10.053º colocação, com a média geral de 403,4.
De acordo com o Ministro Aloízio Mercadante, o Enem avalia o aluno e não a instituição. "O Enem é insuficiente como avaliação do estabelecimento escolar, mesmo porque temos escolas cuja natureza é muito distinta", disse o titular do MEC.
Confira aqui a lista completa da colocação dos colégios do Amazonas que participaram do Enem 2011.


Fonte: www.acritica.com.br

Por Rubem Tadeu - Presidente da AFAMA
rtcastroalves@bol.com.br



segunda-feira, 19 de novembro de 2012

CONGRESSO DISCUTE SEGURANÇA PÚBLICA PARA A COPA DE 2014 EM MANAUS





MANAUS - A partir de hoje, 19 (segunda-feira), até o dia 22 (quinta-feria), acontece o Congresso Internacional de Segurança para Grandes Eventos, no Tropical Hotel Manaus, localizado no bairro Ponta Negra, Zona Oeste da cidade de Manaus. É a primeira oportunidade no Brasil que reunirá especialistas em Segurança Pública para discutir técnicas e abordagens que serão empregados na Copa do Mundo de Futebol em 2014. Os tipos de equipamentos também serão discutidos, a fim de definir o melhor para esse evento.
Esse Congresso compreende na verdade três outros grandes eventos: V Simpósio Nacional de Oficiais de Material Bélico, III Seminário de Instrutores, e, I Workshop de Segurança Pública e Tecnologia, além de uma feira permanente com expositores e empresas que atuam no setor. O evento tem apoio do governo do Estado do Amazonas e é organizado pela Polícia Militar do Amazonas.
Manaus é uma das subsedes da Copa do Mundo de Futebol em 2014 no Brasil e será palco de apenas quatro jogos da primeira fase, mas desponta como pioneira nesse tipo de evento pra a copa.  A ideia é fazer um trabalho de ponta e destacar o bom serviço prestado pela Polícia Militar do Amazonas. Segundo o Maj PM Franklin Pacheco, o objetivo do evento é ressaltar as novas estruturas, reaparelhamento e treinamentos que as polícias e entidades públicas brasileiras vão receber para a copa, bem como os resultados que atingidos em prol da sociedade. além disso, ressaltou o oficial da PM, será a preparação de profissionais da segurança pública, que resultará em melhor trabalho em defesa das pessoas de bem.
Entre os destaques do evento estarão o ator André Ramiro, que viveu o personagem Tenente André Matias, do filme Tropa de Elite, o Coordenador do Comitê dos Jogos Olímpicos de Londres em 2012, o policial Peter Goulding, o advogado e comentarista de segurança da Rede Record, Igor de Mesquita; o coordenador de segurança dos jogos do Super Bowl, José Perez e o Secretário de Segurança para a Copa de 2014, Valdinho Jacinto Caetano.
Para a Polícia Militar do Amazonas, o Programa Ronda no Bairro, servirá de projeto piloto para que os demais projetos desenvolvidos desde então possam ter bons resultados, de modo que até a realização da Copa do Mundo de 2014, as falhas possam ser sanadas.
Ao final do Congresso será confeccionado um relatório - carta de intenções - que receberá o nome de "Carata CIS Manaus", e será direcionada aos participantes do evento, a fim de que possam utilizar em suas corporações, e também para a Secretaria Nacional de Segurança Pública-SENAP-MJ, como subsídio técnico no desempenho das funções de segurança pública.


Elaborado por Rubem Tadeu - Presidente da AFAMA
rtcastroalves@bol.com.br


sexta-feira, 16 de novembro de 2012

INPI LANÇA EDITAL COM 242 VAGAS E VENCIMENTOS DE ATÉ R$ 6.557,47



Rio de Janeiro




BRASÍLIA - O Instituto da Propriedade Industrial-INPI publicou nesta sexta-feria, dia 16 de novembro, edital de concurso com 242 vagas de níveis intermediário e superior, com salários de R$ 1.678,28 a 6.557,47. As jornadas de trabalho são de 40 horas semanais.
As inscrições acontecem a partir das 10h do próximo dia 23 e seguirão até 14 de dezembro, por meio do site do Cesp/UnB, em www.cespe.unb.br. As taxas variam de R$ 60,00 a R$ 110,00. A isenção do pagamento será concedida apenas aos candidatos que integrarem o CadÚnico, no mesmo site e período de inscrição.
Todas as vagas são para as unidades do INPI no município do Rio de janeiro. Os vencimentos também contam com gratificações, que variam de acordo com a formação do  candidato, além do auxílio-alimentação de R$ 304.

OPORTUNIDADES

No nível intermediário, são oferecidas colocações para técnico em planejamento, gestão e infraestrutura em propriedade industrial e técnico em propriedade industrial. Os salários variam de R$ 1.678,28 a R$ 2.504,68.
Já os profissionais com nível superior optam entre pesquisador em propriedade industrial, em seis áreas de atuação, tecnologia em propriedade industrial e analista de planejamento, gestão e infraestrutura, com atuação em 18 especialidades. As remunerações começam em R$ 3.048,03 e chegam a R$ 6.557,47.

PROVAS

As provas objetivas estão agendadas para 3 de fevereiro e contarão com questões de língua portuguesa, língua inglesa, raciocínio lógico e conhecimentos específicos de cada área. Para algumas funções, também haverá prova discursiva e análise de títulos (doutorado, mestrado, especialização e exercício de atividade).

Mais detalhes na versão impressa do JC&E.
George Correa


Fonte: www.jcconcursos.com.br

Por Rubem Tadeu - Presidente da AFAMA
rtcastroalves@bol.com.br


sábado, 10 de novembro de 2012

ESTÁDIO ARENA DA AMAZÔNIA EM MANAUS É CARTÃO POSTAL DA COPA DO MUNDO DE FUTEBOL 2014






SÃO PAULO - Um projeto arquitetônico que considerasse as características e a magia da região, explorasse suas peculiaridades e a biodiversidade. Essa foi a exigência dos responsáveis pela Copa do Mundo em Manaus ao escritório encarregado de projetar a Arena da Amazônia. E o resultado, dizem eles, não poderia ser melhor: um estádio que será um cartão de visitas da região para o mundo.
Quando for entregue, em dezembro de 2013, a arena para 44 mil pessoas promete impressionar visualmente. "Na concepção visual, uma treliça metálica tenta simular os losangos das escama dos peixes amazônicos. E a concepção arquitetônica de cobertura e fachada tenta simular um paneiro, que é aquele cesto em que se carrega farinha", descreve Miguel Capobiango Neto, coordenador da Unidade Gestora do Projeto Copa do Amazonas. "Quem olhar terá a impressão de ver um cesto de palha".
Manaus contratou a GMP do Brasil, filial do escritório alemão, um dos maiores do mundo no ramo da arquitetura e que já projetou mais de 30 arenas, entre elas algumas das Copas: da Alemanha, da África do Sul e da Eurocopa deste ano, realizada na Polônia e na Ucrânia. A experiência do escritório foi decisiva para o resultado final. "Sabemos que uma Copa do Mundo é uma plataforma extraordinária para uma cidade, uma região, um país como um todo, mostrar-se ao mundo", explica o alemão Ralf Amann, diretor da GMP brasileira. "É importante criar um marco significativo arquitetônico, levando em consideração a cultura, os costumes e a natureza local.
Os arquitetos fizeram uma ampla pesquisa para "capturar"os conceitos da região. E chegaram a um projeto bastante específico. "Cada um dos nossos estádios tem um visual. Sempre optamos por soluções simples e eficientes e tentamos refletir o espírito do local", diz Amann. "Aqui na Amazônia foi especial por ser o pulmão do mundo".
Outro fator levando em conta, explica o arquiteto, foi o orçamento - o custo atual da arena está em R$ 561 milhões, segundo a UGO Copa. "Temos sempre de nos enquadrar no orçamento", considera o arquiteto.
A parte operacional da Arena da Amazônia também precisou de um planejamento minucioso. Isso porque uma característica de Manaus são as fortes chuvas, o que poderia comprometer de maneira irreversível o cronograma da obra. Para "driblar" tal risco, foi decidido que o estádio seria erguido por meio de estruturas pré-fabricadas.
Para isso, foi montada uma fábrica na arena. "Essa foi a solução para poder dar a dinâmica que a obra precisava. A vantagem de trabalhar com elementos pré-fabricados é que não se fica refém do problema da chuva, pois se consegue operar com guindastes nos intervalos da chuvas", afirmou Capobiango.
Em pouco tempo, porém, um outro desafio terá de ser vencido: a colocação da estrutura metálica. As peças serão produzidas em Portugal, embarcadas de navio rumo a Manaus e, depois de vencer o Oceano Atlântico, terão de entrar pelo Rio Amazonas para chegar à arena. "É o grande desafio, mas será possível 'casar' o processo de fabricação e de transporte com a cronologia adequada ao cronograma de execução da obra", garante Capobiango.
Ele prevê que no máximo em abril a estrutura estará pronta. "A empresa é a mesma que está construindo a da arena do Grêmio. Com o fim das obras lá, poderão começar a montar a nossa".

XÔ ELEFANTE

O coordenador da Copa no Amazonas encara de frente as suspeitas de que a arena pode se transformar num elefante branco. Mas garante que isso não vai ocorrer e explica por quê: "a colocação da arena onde estava o - estádio - Vivaldo Lima guarda um interesse de valorizar uma região da cidade que já é palco de grandes eventos", disse.
A arena está num parque que te ginásio para 15 mil pessoas, o sambódromo manauara e em breve o centro de convenções. "A arena será a âncora desse parque, mas pode ser usada também para shows e convenções". Capobiango admite que o futebol é o carro-chefe, mas reconhece que o futebol amazonense não anda bem das pernas e espera que a arena ajude a reerguê-lo.


Fonte: www.estadao.com.br

Por Rubem Tadeu - Presidente da AFAMA
rtcastroalves@bol.com.br


quinta-feira, 8 de novembro de 2012

DILMA AFIRMA QUE EDUCAÇÃO É CAMINHO PARA REDUZIR DESIGUALDADE NO BRASIL



Dilma conversa com alunos de escola pública do Distrito Federal antes da cerimônia do Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa  (Foto: Roberto Stuckert Filho/PR)



BRASÍLIA - A presidente Dilma Rousseff defendeu nesta quinta-feira, dia 8, durante discurso no lançamento do Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa, a educação como caminho para reduzir a desigualdade social no país e garantir igualdade de oportunidades para todos os brasileiros. "Nós sabemos, sem sombra de dúvidas que um caminho, do ponto de vista de sua perenidade, mais que outros, tem o poder de assegurar o acesso das pessoas a igualdade de oportunidades: é a educação.
Igualdade de oportunidades é uma situação em que, em um país, há garantia para todos os cidadãos de acesso a todas oportunidades, seja qual for sua origem, gênero ou raça", afirmou a presidente . O Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa é um projeto do governo federal, em parceria com estados e municípios, para garantir que crianças até os oito anos de idade saibam escrever, ler e interpretar textos simples e dominar as operações matemáticas básicas. Dilma disse que não é possível "ser insensível"ao fato de que, no Brasil, 15% das crianças não tenham esses conhecimentos, o que, na opinião da presidente, dá um caráter emergencial ao pacto.
"O pacto tem o caráter da urgência das tarefas inadiáveis. Aquela urgência quando não nos conformamos com o fato de que, em édia, 15% das crianças de até 8 anos do nosso país não estão plenamente alfabetizadas. Esse caráter de urgência se soma a um caráter estratégico que temos sobre uma visão de futuro para o país. Sem o pacto, não teremos igualdade efetiva no Brasil".
Segundo o governo federal, o programa terá como objetivo a plena alfabetização de cerca de 8 milhões de crianças que estão matriculadas até o 3o ano do ensino fundamental. O Planalto afirma que já fechou convênio com os 26 estados do país, com o Distrito Federal e com 5.560 prefeituras.
Para estimular as escolas e os professores a se engajarem no projeto, o governo prometeu distribuir, no próximo ano, R$ 500 milhões para as instituições educacionais que apresentarem os melhores desempenhos na alfabetização de crianças até oito anos. O dinheiro será repassado na forma de premiações às experiências bem-sucedidas.
Dilma falou também de outras ações que ela considera estratégicas para o aprimoramento da educação no país. De acordo com a presidente, além da alfabetização na idade certa, o governo vai investir em creches e na educação em período integral.
"Me refiro a essa tríade como uma base de uma nova revolução no nosso país, uma revolução harmoniosa, pacífica, que mudará profundamente nosso país nos próximos 10, 15, 20 anos", disse a presidente.


Fonte: www.g1.com.br

Por Rubem Tadeu - Presidente da AFAMA
rtcastroalves@bol.com.br

quarta-feira, 7 de novembro de 2012

MEC DIVULGA GABARITO OFICIAL DO ENEM 2012




MEC divulga gabarito oficial do Enem 2012




BRASÍLIA - O Ministério da Educação-MEC divulgou na noite desta terça-feira, 6, os gabaritos oficiais do ENEM 2012, realizado no último fim de semana. Nenhuma questão foi anulada, apesar da contestação de cursinhos pré-vestibulares. Veja o gabarito das provas do sábado, 3 (Ciências Humanas e Ciências da natureza).
Professores dos cursinhos Anglo e Objetivo discordavam no gabarito de nove questões. O Objetivo defendia o cancelamento dos testes 20 e 51 (caderno amarelo). Já o Anglo pedia a anulação do item 165 (caderno azul). As perguntas referem-se às provas de Ciências Humanas, Ciências da Natureza e Matemática, respectivamente.
Na questão, sobre história, o aluno deveria analisar um mosaico e inferir qual característica política romana estava presente na figura. "Havia duas possibilidades de resposta correta", comenta o professor Daily de Matos Oliveira, do Objetivo. "As respostas sobre imperialismo e diversidade dos territórios poderiam ser consideradas corretas".
Já o item 51, sobre física, envolvida a densidade de um legume. Segundo o coordenador de física do Etapa, Alexandre Lopes Moreno, a diferença é que na pesquisa da internet mencionada na questão a densidade do legume é metade da densidade da água. O mesmo enunciado, entretanto, diz que o legume fica um terço para fora da água quando submerso. 'Isso pode causar dúvida, porém o mais provável é que o aluno chegue à resposta correta", afirma o coordenador.
Para o Objetivo, a questão deveria ser cancelada. "Essa pergunta é totalmente furada", disse o professor Ricardo Helou Doca, de Física. "O aluno que privilegiou a parte final do enunciado se deu mal.
Apesar de elogiar a qualidade da prova de Matemática do Enem, o Anglo defendeu a anulação da questão 165 (caderno azul). Segundo o coordenador geral do cursinho, Luís Ricardo Arruda, o enunciado do teste deveria dizer que a pirâmide da figura é regular - desta maneira, segundo ele, a projeção do vértice E cairia no centro da base. "Como falta essa informação, a pergunta pode ter duas alternativas corretas: B ou C", diz Arruda. "As questões do Enem não são pré-testadas? Será que ninguém notou isso?"
Para ele, a resposta C é a mais correta "por intuição". "Mas em Matemática isso não existe. Não podemos fazer concessão com o descaso dos examinadores", afirma o professor.

Confira as provas nos links abaixo:


Fonte: www.hotmail.com

Por Rubem Tadeu - presidente da AFAMA
rtcastroalves@bol.com.br